Os dois lados da Vergonha

jogo2

Nunca imaginamos quando surgirá uma decepção e uma vergonha. Elas sempre aparecem subitamente, em momentos repentinos que não nos dão tempo para agir. E no exato momento deste massacre da alma, ficamos perplexos, anestesiados e buscando um alento para o coração.

O agente causador da vergonha é sempre um erro, talvez um milésimo de segundo não elaborado, que se estravaza em uma palavra mal dita, ou num gesto impensado, ou até quem sabe numa performance desastrosa, em um gol do adversário e a ineficácia de superar naquele instante.

O LADO DE QUEM SE DECEPCIONOU

Quem não se sentiu traído, decepcionado ou de uma certa forma humilhado com a vergonhosa atuação da Seleção Brasileira diante do fracasso de 7 x 1 para a Alemanha? Qual foi o brasileiro que não ficou com o orgulho ferido ao ver sua amada seleção, sucumbindo em campo para o moderno e poderoso time europeu. A alma brasileira foi inundada de decepção e vergonha.

jogo6

As reações no afloramento da alma ferida são diversas, desde aquele que simplesmente parou estático nas arquibancadas, não crendo no que acabara de ver, passando por aquele que chorava o luto da derrota, até os que despejavam todo ódio, xingando, maldizendo e liberando palavrões de todo o tipo contra os jogadores e comissão técnica da Seleção.

De repente, é fácil derramar a mágoa sobre aqueles que momentos antes eram festejados, ovacionados, incentivados e até mesmo idolatrados por milhões. Mas será que isso seria justo, realmente justo com aqueles que erraram?

O LADO DE QUEM ERROU

Agora vamos imaginar o lado dos jogadores, e do técnico, que tiveram a infelicidade de se tornarem os protagonistas da, até entao, maior vergonha do futebol brasileiro,nos 100 anos de história da Seleção em Copas do Mundo. Vamos tentar nos colocar no lugar de cada um deles, que carregaram o sentimento de 200 milhões de torcedores. Imaginemos que eu e você estivesse na pele de um destes membros do escrete canarinho.

Brazil v Germany: Semi Final - 2014 FIFA World Cup Brazil

O que sentiríamos? Como reagiríamos? O que pensar num momento de enfrentar esta tragédia futebolistica? O que fazer para voltar a sonhar com um dia melhor? Como apagar a dor da derrota? O que fazer para ajuntar os cacos da decepção?

Não é o fato de não admitir que eles erraram. Sim, erraram. Mas será que não precisamos ter maior equilíbrio ao extravazar a decepção e medir as palavras, e brecar as sentenças do julgamento precipitado dos pensamentos e da boca que se apresssa em maldizer?

A METÁFORA DA VIDA

Acredito que o jogo BRASIL 1 X 7 ALEMANHA  pode ser interpretado como uma metáfora de nossas vidas. Quantas vezes não estamos no lado daqueles que erram e decepcionam alguém que nos ama, que torce por nós e que espera o melhor da gente? Mas também podemos estar no lado daqueles que sentiram a decepção, que sofreram o baque e que se sentem traídos? Entendo que a metáfora quer nos ensinar a entender os dois lados da moeda. Seja de que lado estivermos, precisamos ser temperados, equilibrados e tenhamos inteligência suficiente para superarmos a Vergonha.

Etiquetado , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: