Recuperando o tempo perdido

tempo2

Tenho estudado muito recentemente sobre um tema importantíssimo para todos nós: o tempo que desperdiçamos no cotidiano. Ao mesmo tempo que necessitamos de tempo, por não sabermos organizar melhor nosso dia, acabamos desperdiçando tempos preciosos. Sabe aquela sensação de que o tempo passou depressa e quase não notamos que o final do ano passado já se confunde com o final do ano anterior?  Qual o motivo desse sentimento ?

Tenho descoberto que o principal motivo é que estamos tão perdidos no desejo de mostrar resultados, que acabamos mergulhando nas urgências da vida, ou nos eventos circunstanciais que nos sobrevem, que pouco fazemos o que é realmente importante para nós mesmos. Estamos desequilibrados em nosso tempo, e não fazemos o que deveríamos fazer.

Muitos estão tão cansados na vida, e reclaman que não tem tempo de fazer o que realmente gostam de fazer. O mundo em que vivemos está cada vez mais acelerado, e como diz o Gestor de Tempo Christian Barbosa, em seu livro ‘A Tríade do Tempo’, a sensação é de que alguém ligou as turbinas e fez o tempo correr mais rápido.

Concordo quando ele diz que a saúde é quase sempre posta de lado, a alimentação rápida toma o lugar das refeições saudáveis, a família acaba ficando em segundo plano, os planos pessoais são substituídos por necessidades mais urgentes, e nos damos conta de que não cuidamos de nós mesmos.

O que fazer ? 

Creio que a melhor resposta para esta pergunta está na frase a seguir: “Não temos como refazer o ontem, mas o futuro está à nossa disposição, para ganharmos ou perdermos”, de Lyndon Johnson. O  fato é de que há o poder de escolha, e mudar e ter sucesso depende apenas de cada um de nós.  É hora de mudar as coisas. É momento de decidir. É hora de recuperar o tempo perdido.

Creio que o melhor a fazer é aprender a Administrar o Tempo. Procurarmos equilibrar a nossa vida com os resultados, procurar fazer o que gostamos, sem deixar é claro de continuar com nossas responsabilidades. Se possível, procure um curso de gestão do Tempo. Recomendo o livro de Christian Barbosa, “A T’riade do Tempo”, que vai abrir a sua mente para a reorganização de sua vida.

Procure um Coach, que lhe ajude a organizar sua vida. Muitas vezes sozinhos, não vamos muito longe. Se precisar de auxílio, posso lhe atender. Deixe um recado aqui no post, escreva um e-mail para arielnobre12@hotmail.com, ou se preferir, ligue para (92) 8147.8112.

Etiquetado , , , , , ,

4 pensamentos sobre “Recuperando o tempo perdido

  1. coachcarlosandrade disse:

    O tempo é mais ou menos assim:
    Você não consegue vivê-lo efetivamente no passado, você não consegue efetivamente vivê-lo no futuro, porém, pode perfeitamente e efetivamente vivenciá-lo agora!
    O tempo presente efetivamente é um PRESENTE, então, usemos o passado somente para corrigirmos ou aperfeiçoá-lo no futuro e vivamos o hoje, o presente!!!!
    Certa vez uma pessoa de sucesso perguntou ao sábio:
    Mestre, qual o momento mais importante do ser humano?
    Ele respondeu, O MINUTO PRESENTE!
    Moral da história,Planeje-se, organize-se, sonhe, trabalhe, tenha e seja um sucesso, entretanto, não esqueça de viver cada minuto intensamente, afinal, é o tempo que temos de fato.

    Ariel Nobre, mais uma vez o parabenizo pelas publicações sempre muito pertinentes aos nossos dias, continue assim, SUCESSO!!!

  2. reyla disse:

    Temos que viver como se fosse o último dia de vida,ou seja intensamente.Pois o tempo realmente não volta atrás.

  3. Dully Pimenta disse:

    O tempo não para e cada segundo conta para recuperar o tempo perdido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: